quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

a brisa morna que me embala...

Foto Júlia Tigeleiro



"Quando a luz da manhã te trouxer
a urgência inadiável de acordar e renascer
falar-te-ei daquilo que nasce e morre enquanto dormes
e da brisa morna que me embala
em cada madrugada."

"Cores e outros amores" - Blogue










4 comentários:

  1. Mais uma junção maravilhosa de imagem e palavras!...
    Adorei! Beijinhos! Continuação de uma boa semana!
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Embala e enleva...
      no vermelho fogo
      na corrente quente
      do amor

      Muito bem casado o texto com a imagem.
      Bj

      Eliminar
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar